Como acompanhar o progresso dos alunos e por que isso é importante?

Listamos técnicas para acompanhar o progresso dos alunos por meio de atividades no dia a dia e com o uso de tecnologia

professora com aluna em sala de aula

Ao longo do período letivo, há uma série de avaliações que têm o objetivo de acompanhar o progresso dos alunos. Contudo, o processo de assimilação de cada matéria apresentada em sala de aula segue sendo um desafio para muitos estudantes.

Para entender o conteúdo aplicado, é necessário que os professores se reinventem constantemente e apliquem novas estratégias capazes de estimular a aprendizagem. Nesse contexto, surge a dúvida: como acompanhar o progresso dos alunos?

É fato que, ao longo do período letivo, os alunos passam pelas avaliações que verificam a aprendizagem dentro de sala de aula. Elas são uma ferramenta poderosa para diagnosticar a evolução de cada estudante, desde que sejam feitas de forma criteriosa.

Continue a leitura e veja como acompanhar o progresso dos alunos e por que isso é importante.

Por que é importante acompanhar o progresso dos alunos?

No contexto escolar, as avaliações são fundamentais. Contudo, apenas as formais não surtem o efeito desejado, pois estimulam a memorização de curta duração — cujo conteúdo acaba sendo esquecido logo após a realização do teste.

Avaliar, no entanto, é um processo complexo e está diretamente ligado à visão de educação e de aprendizagem tanto do professor quanto da instituição de ensino. Se é realizada pontualmente, identifica problemas pontuais.

Mas se a avaliação é feita continuamente, surge a oportunidade de rever ações e estratégias para redirecionar o foco para a prática pedagógica.

A Base Nacional Comum Curricular sugere:

(...) construir e aplicar procedimentos de avaliação formativa de processo ou de resultado que levem em conta os contextos e as condições de aprendizagem, tomando tais registros como referência para melhorar o desempenho da escola, dos professores e dos alunos.

Esse documento reforça que, independentemente de ser remoto ou presencial, é necessário avaliar de maneira normativa. Em outras palavras, cabe aos educadores o dever de acompanhar o progresso dos alunos, observando o percurso e analisando dificuldades, além de propor novas práticas que estimulem o desenvolvimento.

O fato é que há meios de mensurar e otimizar a aprendizagem, principalmente quando se acompanha o progresso dos alunos. Nesse sentido, algumas técnicas são fundamentais.

Como acompanhar o progresso dos alunos?

Nós separamos técnicas que permitem acompanhar o progresso dos alunos e garantir o avanço da turma. São elas:

1. Estabeleça objetivos e critérios claros

As provas são instrumentos clássicos de avaliação, mas se moldam à burocracia da maioria das instituições de ensino. Entretanto, não é o momento de abandoná-las, mas sim de torná-las mais eficientes.

Sendo assim, é importante aplicar algumas mudanças no processo de elaboração desse tipo de avaliação. Acompanhe:

  • Liste os objetivos de ensino-aprendizagem que devem ser avaliados;
  • Elabore as questões pensando em um grupo de objetivos afins;
  • Reforce os critérios de pontuação de cada questão.

Essas mudanças garantem coerência, além de contemplar os principais conteúdos do bimestre. Conferem também mais objetividade à correção.

Quer tornar as provas ainda mais eficientes? Aproveite para criar uma planilha e organizar as notas dos alunos, questão por questão. Isso permite o cruzamento de dados, como percentual de acerto com os objetivos e critérios de correção.

Torna-se, portanto, mais fácil a localização das dificuldades tanto de indivíduos quanto da turma toda.

2. Possibilite que os alunos se avaliem

Exercícios como esse também oferecem a oportunidade de checar o progresso dos alunos. Quando avaliam as produções uns dos outros, eles se tornam mais atentos às etapas que compõem cada exercício.

Para tal, no entanto, é necessário utilizar uma lista de critérios elaborada pelo professor. Trata-se do tipo de dinâmica ideal para produções escritas e orais.

No caso das escritas, os alunos podem trocar textos entre si e corrigi-los simultaneamente. E nas atividades orais, os debates avaliativos seguem como forma de estimular o conhecimento.

3. Estimule as anotações de um minuto

Oriente sua equipe docente a, nos últimos minutos de aula, pedir aos alunos que escrevam os seguintes pontos:

  • O que de mais importante aprendeu na aula;
  • O que não entendeu muito bem.

Na próxima aula, o professor revê esses papéis e utiliza anotações para eliminar dúvidas ou complementar suas explicações. É fundamental, no entanto, que esse processo seja feito no começo da aula, antes de iniciar o próximo conteúdo.

Caso muitos alunos tenham a mesma dúvida, a sugestão é montar uma aula específica a respeito do assunto. Vídeos, debates, imagens, filmes e outros meios devem ser utilizados para reforçar a aprendizagem.

4. Surpreenda por meio de perguntas

Durante as aulas, uma boa maneira de acompanhar o progresso dos alunos é fazer uma pergunta base sobre o tema.

Há uma dinâmica bem interessante nesse sentido: o professor pode fazer a pergunta e passar um envelope ou pote pela sala. Cada aluno deve responder o questionamento, mas sem acesso às respostas dos demais.

No início da próxima aula, as respostas são separadas por tipo e utilizadas para discutir sobre o assunto.

5. Utilize a tecnologia a seu favor

A tecnologia na educação é uma das maiores aliadas da aprendizagem, portanto, é essencial para acompanhar o progresso dos alunos.

As instituições de ensino que abraçam as inovações tecnológicas acabam tendo menos retrabalho e ganham tempo. A tecnologia é uma excelente ferramenta para os professores, pois facilita a rotina e ainda estimula os alunos de forma divertida.

É possível utilizar a tecnologia para incentivar a leitura, já que um único dispositivo é capaz de carregar milhares de livros de diferentes temas, gêneros e faixas etárias.

Do ponto de vista do professor e da escola, a tecnologia acompanha, de maneira rápida e precisa, o progresso do aluno, individualmente e em grupo.

A ferramenta Benchmark Test, da Fluentize, é 100% online. Trata-se de uma plataforma fácil, eficiente e intuitiva que avalia de forma completa todos os níveis de conhecimento. Ela conta com Inteligência Artificial para obter informações detalhadas para direcionar o processo de ensino-aprendizagem para o caminho necessário.

Conheça a avaliação Benchmark Test da Fluentize e avalie os alunos de sua instituição na fala, escuta, escrita e leitura de inglês e outros idiomas.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS